Sábado, 29 de Janeiro de 2022
17°

Chuva

Ibaiti - PR

PARANÁ COVID 19

Média móvel de casos de Covid dispara no Paraná desde o Natal, mas internações estão estáveis

No boletim do dia 25 de dezembro, por exemplo, o Paraná registrava uma média móvel de 138 casos

03/01/2022 às 10h10
Por: Redação Portal Ibaiti Fonte: Bem Paraná/Rodolfo Luis Kowalski
Compartilhe:
Itamar Crispin/Fiocruz
Itamar Crispin/Fiocruz

Desde o final de dezembro a média móvel de óbitos no Paraná permanece num patamar relativamente estável, variando entre 1 e 2 registros diários. Por outro lado, os casos novos divulgados nos informes epidemiológicos registraram um verdadeiro salto desde o Natal.

No boletim do dia 25 de dezembro, por exemplo, o Paraná registrava uma média móvel de 138 casos. Desde então, os números cresceram consecutivamente a cada novo informe, atingindo no boletim de ontem a marca de 451 diagnósticos. Temos, então, um cenário no qual a média móvel de casos no Paraná cresceu 226,8% em apenas oito dias.

Até o momento, porém, esse aumento no número de casos não tem refletido numa maior número de pessoas demandando internação. Tanto que no Dia de Natal haviam 68 pacientes internados com quadros suspeitos ou confirmados de Covid-19 no Paraná, 35 deles em enfermarias e outros 33 em UTIs. Ontem, como já citado, haviam 51 pacientes hospitalizados, 31 em enfermarias e outros 20 demandando cuidados intensivos.

Ômicron pode provocar novo pico de casos e pressionar sistema de saúde
Entrevistado na última semana pelo Bem Paraná, o infectologista Marcelo Ducroquet, que é também professor do curso de Medicina da Universidade Positivo (UP), relatou que o Brasil e o Paraná podem voltar a enfrentar no Ano Novo momentos de maior pressão sob o sistema de saúde. Tal perspectiva tem como base os impactos que a variante Ômicron já vem provocando em países da Europa e nos Estados Unidos.
“Olhando para o hemisfério norte, americanos e europeus enfrentam uma nova onda [da pandemia], provavelmente relacionada â variante ômicron, e o mundo está vivendo o pico do número de casos, com mais de 1 milhão de casos diários - no auge anterior, em abril, eram 850 mil casos por dia. O número de mortes não acompanhou esse pico, mas tendo uma incidência tão alta, uma ascensão tão rápida, alguma pressão no sistema de saúde vai existir’, afirmou Ducroquet.

A boa notícia, ainda segundo o especialista, é que parecemos estar cada vez mais próximo do momento em que a Covid-19 se tornará uma doença endêmica, com a qual conviveremos quase que normalmente, como já aconteceu, por exemplo, com o H1N1. “Com cada vez mais gente imune e casos menos graves, o coronavírus vai se tornando um vírus de circulação habitual. Esse é um comportamento natural. Um vírus bem-sucedido viaja junto com seu hospedeiro, não mata esse hospedeiro”, apontou ainda o especialista.

Ibaiti - PR Atualizado às 03h02 - Fonte: ClimaTempo
17°
Chuva

Mín. 16° Máx. 23°

Dom 22°C 16°C
Seg 25°C 17°C
Ter 26°C 17°C
Qua 28°C 18°C
Qui 28°C 16°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes